BRASIL EUA IMIGRAÇÃO IMIGRAÇÃO/EUA NOTÍCIAS

Morre brasileiro em travessia do México para Estados Unidos

Infelizmente mais um brasileiro morreu na travessia do México para os Estados Unidos esse ano, com esta perda o número subiu para 6, mesmo com todos os perigos da travessia, muitos imigrantes ainda se arriscam.

Ricardo Evangelista dos Santos, goiano, 32 anos, era mecânico no Brasil, estava indo com sua esposa Poliana Evangelista para tentar a vida e ajudar a família no Brasil.

A Irmã de Ricardo informou que a família tenta descobrir o que realmente ocorreu, porque a informação que eles têm é de que não sobreviveu sem detalhes do que aconteceu.

A família começou um campanha pela internet para angariar o valor de US$ 12 mil, necessário para o traslado do corpo para o Brasil em opadref.com/vaquinhas/ricardo-evangelista-dos-santos/.

 

Os outros cinco brasileiros que morreram esse ano são:

Maycon Douglas Andrade Fernandes, 24, mineiro, morreu no início de agosto, logo após atravessar para o lado do texano.

Fabrício da Silva Santos, 31 anos, no início de maio foi encontrado morto ainda no México.

Sidney da Silva, mineiro, no final de maio foi encontrado morto na fronteira.

Lucas Batista Barros, 30 anos, mineiro, em junho morreu perto do Rio Bravo, em Nuevo Laredo, México.

Júlio Barcellos, 35 anos, rondoniano, foi encontrado morto semanas após tentar atravessar o Rio Grande, na cidade de Nuevo Laredo, México.

 

De acordo com o Consulado Geral do Brasil em Miami, não há orçamento previsto para a união arcar com custos relativos a traslados de corpos ou cinzas do exterior para o Brasil, tais despesas assim como o sepultamento local devem correr por conta da família ou de terceiros.

A  Organização Internacional de Migrações (OIM) divulgou no início de agosto que no primeiro semestre (janeiro à julho), foram 232 imigrantes mortos na tentativa de realizar a travessia. Este número é 17% maior que o registrado no mesmo período em 2016.

Estima-se que 1,2 mil imigrantes morreram desde 2014 tentando viver o “sonho americano”.

Fonte : GazetaNews

Sólida experiência no segmento têxtil e automotivo, nas linhas de fios, peças, tecidos e aço, atuando há 8 anos na área de compras com vivência em empresas de médio e grande porte.

Canal Perguntas no YouTube

Anúncios

RECEBA NOVIDADES

Facebook