COMUNIDADE DIVERSOS EUA IMIGRAÇÃO IMIGRAÇÃO/EUA NOTÍCIAS OUTRAS

Furacão Harvey provoca inundação histórica no Texas e deve deixar 30 mil desabrigados

AP Photo/ David J. Philip

O furacão Harvey, que chegou ao Texas no dia 25 de agosto, está causando inundações históricas, muita destruição – principalmente na cidade de Houston – além de fazer diversas vítimas. De acordo com as autoridades locais, o número de mortos já chega a 30. Os desabrigados são aproximadamente 9 mil pessoas e o número deve atingir 30 mil, segundo o prefeito da cidade, Sylvester Turner.

Além disso, as autoridades afirmam que as inundações estão por toda parte e os reservatórios de água da cidade no limite. Um dique dos Lagos Columbia, localizado próximo a Houston, não resistiu ao volume das chuvas e transbordou. As autoridades pediram aos moradores que deixem o local imediatamente.

Após atingir a categoria 4, a mais forte a chegar ao Texas em 50 anos,  o Harvey perdeu forças e se tornou tempestade tropical. Porém, os estragos continuam e são enormes. Houston está submersa e muitas famílias ainda aguardam pelo resgate dentro de suas casas, praticamente ilhadas. Segundo o Serviço Meteorológico Nacional (NWS), a chuva ainda deve permanecer em Houston por mais alguns dias. Os meteorologistas preveem que o pior das inundações deve ocorrer no final desta quarta-feira (30) e na quinta (31). Eles disseram que “o evento é sem precedentes e todos os impactos desconhecidos”.

Foto: Charlie Riedel/AP
Foto: El País

O governador do Texas, Greg Abbott, afirmou que “a situação é grave e deve piorar”.

O presidente Donald Trump decretou estado de emergência no Texas e também no Estado da Louisiana, para onde a tempestade tropical deve seguir nos próximos dias. Nesta terça-feira (29) ele chegou ao Texas com a esposa, Melania Trump, e visitou a cidade de Corpus Christi, primeiro local a ser atingido pelo Harvey.  Durante a visita, o presidente disse que “o furacão é o mais caro da história do país e a tragédia, de proporções épicas”.

Trump e Melania / Foto: AFP

A passagem do furacão também afetou a produção e o refino de petróleo nos Estados Unidos, e isso já está levando ao aumento do preço da gasolina no país. A região de Houston é uma das mais importantes para a indústria petrolífera, pois concentra mais de 15% da capacidade total de produção.

Perto da catástrofe

A fonoaudióloga Claudia Amalfi Marques, que mora em Richmond, Greater Houston, disse que a situação não é tão preocupante na região em que está. No último domingo (27) a água subiu até o meio da rampa da garagem e os avisos de tornado cessaram – o que para ela foi um alívio. “Temos notícias de muitas pessoas que estão em processo de evacuação mandatória, em áreas próximas aos rios, especialmente em Brazos River” – diz.

As aulas nas universidades foram suspensas por uma semana, segundo Claudia. “Meus filhos estudam na área de Montrose, em Houston, na University of St. Thomas, que permanecerá fechada durante toda esta semana, pelo menos”- diz.

Segundo a fonoaudióloga, todos os distritos escolares da Greater Houston estão com as aulas canceladas e o retorno previsto será o feriado do Labor Day, que acontece dia 4 de setembro.

As empresas com escritórios em Houston também estão sem expediente. O marido de Claudia, por exemplo, está trabalhando em estilo home office – em casa.

A brasileira relata ainda que existe uma comoção entre a população que assiste tudo, sem poder fazer nada. “Há muita preocupação e tristeza por vermos tantos perderem tudo. É muito diferente de uma enchente em São Paulo, por exemplo, pois aqui essa catástrofe atinge a todos indistintamente, e não apenas áreas específicas”- afirma.

Claudia ressalta que a coletividade e o espírito humanitário são a tônica neste momento. “Tenho certeza de que, em breve, todos os houstonianos, de sangue ou por opção, irão reconstruir juntos esta amada cidade” – comenta.

Claudia Amalfi Marques

Ajuda aos desabrigados

Além da ajuda do governo Trump, outras entidades e empresas estão se mobilizando para ajudar as vítimas do Harvey.

O empresário Leslie Alexander, dono da franquia de basquete da NBA, Houston Rockets, anunciou a doação de 4 milhões de dólares para o fundo de assistência em prol das vítimas do furacão.

O empresário Leslie Alexander / Foto: Sporting News

A Major League Baseball (MLB), principal liga de beisebol do país, e a associação de jogadores da modalidade, anunciaram a doação de 1 milhão de dólares às famílias desabrigadas.

Animais também sofrem com as inundações

Os animais também estão sofrendo com as inundações que tomaram conta do Texas. Muitos deles, principalmente cachorros, se separaram dos seus donos durante as operações de resgate ou mesmo no momento em que a água começou a subir.  Além disso, muitos abrigos não aceitam animais, e isso pode fazer com que dono e cão fiquem separados por algum tempo.

Foto: Joe Raedle/ Getty Images

Fundação brasileira em prol das vítimas

A Brazilian Foundation , entidade sem fins lucrativos, localizada em Houston e Nova York (dentro da ONU), está se mobilizando para ajudar as vítimas do furacão Harvey após a sua passagem pelo Texas. A fundação formou um comitê de ajuda comunitária para dar suporte aos necessitados, na qual as doações recebidas serão destinadas às famílias que precisam de ajuda. Já as doações em dinheiro serão destinadas para a compra de produtos aos desabrigados e também, aos reparos nas casas das pessoas que comprovadamente não possuem condições financeiras ou um seguro que cubra a totalidade dos estragos. Esta doação estará isenta de impostos e será destinada somente à ajuda comunitária.

A presidente da fundação, Priscila Trummer, pede que as pessoas sejam solidárias e ajudem de alguma maneira. A Brazilian Foundation está arrecadando doações de alimentos não perecíveis, roupas, móveis, eletrodomésticos ou qualquer item em boas condições de uso. “Veja no armário aquilo que você não está precisando mais e doe!” – pede Priscila.

Quem está nos Estados Unidos ou em qualquer parte do mundo e quiser ajudar, é só em contato com: www.bffoundation.org,  info@bffoundation.org ou 1 (657) 223-3468. Pelo Facebook, na página do Brazilian Friends in Houston: https://www.facebook.com/groups/BrazilianFriendsinHouston/.

Priscila Trummer

 

 

 

Alethéa Mantovani é jornalista e pedagoga. Trabalha com jornalismo impresso, webjornalismo e assessoria de imprensa. Adora escrever sobre comportamento, educação, moda, turismo e temas da atualidade.

Canal Perguntas no YouTube

Anúncios

RECEBA NOVIDADES

Facebook