NOTÍCIAS REFLEXÕES

As crianças são o futuro! Será?

Sou do tempo que o máximo de conotação pejorativa de uma música era “boquinha da garrafa”, que ainda assim eram bem leves, e que, alguns músicas eram só para dançar e divertir crianças e adultos.

Ah, que época boa…

Em um piscar de olhos, como se não houvesse passado, surgiram uma infinidade de “músicas” com apelo sexual, palavrões, abusos e todo tipo de apelação negativa.

É engraçado que a maior parte das pessoas negam em alto e bom som que escutem esse tipo de música, mas essas mesmas pessoas não só escutam como colocam as musicas para seus filhos dançarem.

Não estou aqui julgando ou apontando, mas apenas partilhando uma reflexão com vocês, se seu filho escuta desde pequeno este tipo de música, qual a sua expectativa para o futuro dele?

Ah! Todos os amigos escutam o que eu posso fazer? Simplesmente não ser igual a todo mundo, dar outras opções, explicar a intenção das músicas e colocar outras coisas e apresentar um caminho diferente.

Reclama-se muito que a escola perdeu qualidade, que está ruim, e os pais,  como estão?

Dá impressão que estamos vivendo em um mundo do avesso, é assustador pensar que essa juventude que é refém do copiar e colar, odeia leitura e adora mandar mensagem por áudio, será o futuro do país.

Só teremos pessoas preparadas para o futuro, se forem bem instruídas no presente, ou seja, com uma base familiar que vem de casa, pois não é o mundo que torna essas crianças preparadas para o futuro e sim a família.

Faça hoje mesmo a diferente e seja a mudança na vida do seu filho!

Sólida experiência no segmento têxtil e automotivo, nas linhas de fios, peças, tecidos e aço, atuando há 8 anos na área de compras com vivência em empresas de médio e grande porte.

Canal Perguntas no YouTube

Anúncios

RECEBA NOVIDADES

Facebook